8633
Como montar uma sala de dança e legalizar seu studio?

Como montar uma sala de dança e legalizar seu studio?

Conheça o passo a passo, investimentos e cuidados para abrir uma empresa neste ramo.

pessoas fazendo aula de dança em uma academia

Não é novidade que a busca por exercícios físicos é uma tendência no Brasil e no mundo – um movimento muito acelerado pela pandemia. Segundo o IBGE, a frequência de adultos com prática de atividade física no tempo livre foi de 30,3%, em 2009, a 36,7% em 2021. O cenário é positivo para investir no mercado, como montar uma sala de dança, por exemplo. 

Além disso, treinos funcionais e com o peso do corpo são tendências para o mercado fitness de 2023, de acordo com a 17ª edição da Worldwide Survey of Fitness Trends, divulgada pelo American College of Sports Medicine (ACSM). Assim como as aulas de dança, são exercícios com o objetivo de melhorar a capacidade física, força, flexibilidade, resistência, mobilidade e estabilidade. 

Para saber como montar uma sala de dança, qual é o investimento inicial, quanto lucra esse tipo de empresa e as melhores dicas para administrá-la, continue acompanhando este artigo! 

Como funciona uma escola de dança?

Escola, studios ou salas de dança são estabelecimentos conhecidos por ministrarem um ou vários estilos da modalidade, como balé clássico, dança contemporânea, jazz, dança de salão, hip-hop, dança do ventre, danças folclóricas, entre outras. 

As aulas podem ser estruturadas individualmente ou em formato de aula coletiva, de forma segmentada por faixa etária, níveis de habilidade ou para grupos específicos, como crianças, adolescentes, adultos e até mesmo para a terceira idade. 

Em relação aos instrutores, as escolas de danças contam com profissionais capacitados, responsáveis por ensinar a técnica, orientar e corrigir os alunos em relação à postura, performance e execução dos movimentos. Eles também devem acompanhar os resultados, estimulando desafios saudáveis para os seus alunos de acordo com cada objetivo. 

Muitas escolas de dança também são conhecidas por unirem características artísticas e culturais à prática do exercício físico. E por organizarem eventos, apresentações e festivais, com espetáculos ao final do ano, competições, workshops, entre outros. 

Quem pode abrir uma escola de dança?

No Brasil, não há requisitos legais ou específicos de formação e certificação para abrir ou ministrar aulas em uma escola de dança. Diferentemente de academias, box ou centros fitness, essas atividades são consideradas artísticas e culturais – por esse motivo, não exigem a formação dos profissionais em Educação Física. 

No entanto, é altamente recomendado que o proprietário de uma escola de dança tenha formação na modalidade em questão, por meio de cursos profissionais e experiência prática. O histórico certamente será um diferencial para construir credibilidade e confiança aos alunos.  

Além disso, é essencial ter conhecimento sobre administração de um negócio, com habilidades em gestão financeira, comunicação interpessoal, planejamento estratégico e marketing. 

Contar com ferramentas que possam apoiar na gestão dessa empresa, como o Tecnofit Studio, também é uma excelente dica. Para saber como essa solução pode contribuir com o sucesso da sua empresa, faça um teste gratuito. 

Como montar uma sala de dança?

O processo sobre como montar uma sala de dança depende de alguns aspectos, como pesquisas e definições estratégicas – os quais podem ser identificados a partir de um bom plano de negócio. Conheça algumas orientações:

1. Escolha o local ideal

Se você acompanha o blog da Tecnofit sabe que sempre indicamos a definição do lugar certo como uma das escolhas mais estratégicas para garantir o sucesso da sua empresa. Isso porque isso deve ser diretamente conectado às necessidades do público-alvo – em relação ao espaço físico, deslocamento e proximidade dos locais que costuma frequentar. 

Além disso, tratando-se de uma escolha de dança, é fundamental optar por um espaço que contemple a infraestrutura necessária, com um ambiente bem ventilado e iluminado. 

2. Identifique o melhor tipo de piso

O tatame está para as academias de luta assim como o piso está para as escolas de dança. Apesar de parecer um elemento neutro, para garantir a melhor experiência para os alunos, é essencial escolher o piso certo, afinal ele não pode ser escorregadio, mas precisa facilitar os movimentos. 

A madeira ou o linóleo (revestimento emborrachado e menos deslizante) são boas alternativas para esse tipo de estabelecimento. 

3. Invista em espelhos

Ao imaginar uma sala de dança, o espelho é, provavelmente, um dos primeiros itens que vêm à mente. Esse é um item fundamental para que os alunos possam acompanhar a execução dos movimentos durante todo o tempo e extensão do espaço. Por isso, é muito comum que as escolas de dança tenham espelhos que revestem paredes completas. 

4. Escolha os equipamentos

Piso e espelhos fazem parte da lista de equipamentos de uma sala de dança. No entanto, além deles, também é interessante investir em: barras de ballet, equipamentos de som e iluminação, armários, bebedouro, entre outros. 

A parte administrativa da escola, por sua vez, deve contar com computador, impressora, mesas e cadeiras, utensílios de escritório, máquina de cartão, gaveteiro, telefone, etc. 

5. Decore o studio

A decoração é um ótimo artifício para reforçar a marca e posicionamento do local. Alguns exemplos de itens decorativos para as salas de dança são: quadros, plantas, televisão, papel de parede, entre outros. Aqui é importante equilibrar a decoração com o espaço destinado às aulas, para que um não comprometa o outro. 

6. Contrate e capacite os profissionais

Outra dica encontrada com frequência por aqui é que os professores e instrutores das academias, studios e escolas de dança são parte significativa na busca pela fidelização dos alunos

No caso de escolas de dança, também é fundamental contratar professores que tenham conhecimento e experiência nas modalidades oferecidas, além de habilidades de empatia, paciência e engajamento.  

7. Invista na gestão da empresa

A gestão empresarial é fundamental para conhecer, acompanhar e prever a saúde financeira do negócio. Além disso, permite reduzir custos operacionais, otimizar os processos, melhorar a administração dos recursos e conquistar melhores resultados. 

Pode parecer um processo complexo, mas a boa notícia é que você pode contar com plataformas automatizadas que otimizam todas as funções burocráticas da gestão de uma escola de dança, como é o caso do Tecnofit Studio. 

Como legalizar uma escola de dança?

Uma sugestão para abrir e registar uma empresa é contar com um contador, profissional que vai elaborar os atos constitutivos da empresa, auxiliar na definição da melhor forma jurídica, além de orientar a respeito do preenchimento de formulários exigidos pelos órgãos públicos. 

Normas para salas da dança

Para legalizar uma escola de dança é preciso registrá-la na Junta Comercial, Secretaria da Receita Federal, Secretaria Estadual da Fazenda, Prefeitura do Município para obter o alvará de funcionamento, Enquadramento na Entidade Sindical Patronal, Cadastramento junto à Caixa Econômica Federal, e Corpo de Bombeiros Militar. 

E os documentos necessários são: CNPJ, cópia autenticada do RG e CPF, folha espelho do IRPF, IPTU do imóvel, cópia do Contrato de Locação ou Compra e Venda, alvará de funcionamento, entre outros documentos específicos da cidade.

Em geral, as escolas de dança podem ser enquadradas no Simples Nacional, regime especial unificado de arrecadação de tributos e contribuições devidos pelas ME (Microempresas) e EPP (Empresas de Pequeno Porte). Nesse regime, o proprietário pode fazer o pagamento dos impostos por meio de apenas uma guia, a DAS.

O que precisa para uma sala de dança?

Agora que você já conhece o passo a passo sobre como montar uma sala de dança e legalizar seu studio, listamos abaixo alguns elementos essenciais encontrados nesse tipo de estabelecimento. Confira:

  • Espaço amplo para permitir movimentos livres em toda a sua extensão. 
  • Piso adequado, liso e antiderrapante para oferecer um bom amortecimento e proteger as articulações dos alunos. 
  • Espelhos de corpo inteiro que possam revestir toda a parede da sala. 
  • Barras de apoio para aquecimento, alongamento e exercícios de equilíbrio e postura. 
  • Equipamentos de som para as aulas, ensaios e performance. 
  • Sistema de iluminação ajustável para diferentes atmosferas e cenários. 
  • Equipamentos de ventilação e controle da temperatura do ambiente. 
  • Área de descanso, portaria, vestiário e outros ambientes de apoio. 

Qual o tamanho ideal de uma sala de dança?

Essa resposta varia de acordo com o tamanho do estabelecimento, modalidade oferecida, programação das aulas, volume de alunos atendidos e até mesmo o objetivo do negócio. 

No entanto, segundo especialistas, vale considerar o tamanho médio de 30 a 40 m² para aulas individuais ou em pequenos grupos, 60 a 70 m² para aulas de dança em grupo ou companhias de dança. E ao menos 100 m² para modalidades de ballet clássico, dança de salão ou contemporâneas, em que são exigidos movimentos mais extensos. 

Em relação à altura, é possível considerar em média 3 a 4 metros, o que permite um espaço seguro para acrobacias e movimentos. 

Qual o investimento inicial de uma escola de dança?

O valor médio inicial para montar uma escola de dança, considerando o aluguel de um espaço que não exija grandes reformas é de R$ 30 mil a R$ 50 mil. No entanto, esse investimento pode variar de acordo com os objetivos e estilo do empreendimento. E, segundo especialistas, a estimativa de retorno é de até um ano. 

Qual o lucro de um studio de dança?

Em relação ao lucro de uma escola ou studio de dança, a resposta também pode variar de acordo com diversos fatores, como: localização, tamanho, quantidade de alunos e recursos, preço das mensalidades, despesas operacionais, entre outros. 

Para ter uma previsão mais clara sobre o lucro de um studio de dança, é recomendado fazer um planejamento financeiro com base nas especificidades do negócio, despesas estimadas e projeção de receitas por meio de benchmarking e pesquisas de mercado. 

Como administrar uma escola de dança?

Fazer a gestão de uma escola de dança demanda atenção, acompanhamento e planejamento eficiente. Abaixo listamos algumas orientações para essa administração:

Conclusão

Esperamos que este artigo tenha fornecido informações importantes para que você possa avaliar a possibilidade de abrir e montar uma sala de dança. Para mais dicas de negócios fitness, continue acompanhando o blog da Tecnofit!

Faça seu cadastro, teste e comece a impulsionar seus resultados!
Preencha seus dados e um dos especialistas da Tecnofit entrará em contato o mais rápido possível para uma demonstração.
hbspt.forms.create({ region: "na1", portalId: "5857780", formId: "aadf95cf-2dc8-4535-9e07-5a23bc8fefa3", onFormSubmit: function($form) { var alunos = $('select[name="n_mero_de_alunos"] option:selected').val(); var segmento = $('select[name="selecione_seu_segmento"] option:selected').val(); setTimeout( function() { if(segmento == 'Estúdio' ){ if(alunos == 'Até 20 alunos') { window.location.href = "https://site.tecnofit.com.br/50_tnks"; } else if(alunos == '21 a 50 alunos') { window.location.href = "https://site.tecnofit.com.br/50_tnks"; } } }, 500 ); // Waits 1/2 second to redirect. } })